Aprenda a tirar fotos profissionais sem equipamentos caros

fotos profissionais

A expressão utilizada na gastronomia de que primeiro “se come com os olhos” pode ser adaptada ao e-commerce. Antes de avaliar um produto pelo preço, prazo de entrega e tamanho, o consumidor compra pela aparência. Por isso, ter fotos profissionais deve ser estratégia prioritária para o sucesso das vendas online.

Mas, para atingir um bom resultado sem gastar com equipamentos caros, é preciso seguir algumas técnicas. No artigo de hoje, mostraremos dicas do que fazer ou evitar para conseguir boas imagens e agregar valor à sua mercadoria. Confira:

1 – Câmeras semiprofissionais rendem boas fotos para e-commerce

Se engana quem pensa que fotografia para e-commerce pode ser feita somente com equipamentos caríssimos e de última geração. Câmeras semiprofissionais podem ser encontradas com preços mais acessíveis no mercado.

Marcas como Sony, Canon e Nikon têm ótimas opções. Para fazer o melhor uso dessas ferramentas, é essencial procurar algumas aulas para aprender o básico das configurações manuais (pode ser pela internet),afinal, usar o modo automático não é recomendado quando o objetivo é inovar e ter fotos originais de qualidade.

Todavia, se você não quer investir agora em uma máquina fotográfica, é possível usar seu celular para começar. Alguns aparelhos, como o iPhone, por exemplo, têm a mesma quantidade de megapixels que as câmeras mais baratas — os modelos 6S e 7S têm sensor de 12 MP, valor que atende bem à resolução necessária para a web.

2 – Luz natural não tem custo e é eficaz

Outra forma de reduzir custos é escolher um local com luz natural para fazer as fotos — um cantinho do escritório que tenha uma janela grande é suficiente. Assim, não será necessário investir em fontes de iluminação artificial, já que lâmpadas e flashes externos costumam ser bem caros.

Uma dica é evitar usar o flash que já vem embutido nas câmeras. Ele joga uma luz muito forte e frontal, o que não beneficia a aparência dos objetos ou modelos. Além disso, é necessário redobrar a atenção ao fotografar produtos com superfície reflexiva, pois podem aparecer reflexos do ambiente ou da própria câmera na imagem.

3 – Equipamentos alternativos são sempre bem-vindos

Para um e-commerce de produtos pequenos, é viável utilizar um miniestúdio, que pode ser feito de papelão. Vários tutoriais estão disponíveis no Youtube e mostram o passo a passo para confeccionar seu próprio miniestúdio. O resultado surpreende!

Entretanto, uma caixa de luz requer duas ou mais fontes de iluminação. Mas isso pode ser resolvido com lâmpadas caseiras. A vantagem do miniestúdio é que ele pode diminuir o problema com reflexos que falamos no tópico anterior.

4 – Fique de olho na composição fotográfica

Já sabemos, então, que fotos profissionais podem ser feitas com baixo custo, desde que alguns erros que fazem com que elas pareçam amadoras sejam evitados, independentemente do equipamento utilizado. Confira abaixo alguns desses erros:

Não mostrar o produto de forma clara

Se a intenção é mostrar os produtos ao consumidor, é preciso fazê-lo de forma clara. Parece óbvio, mas muitos sites de e-commerce pecam nesse ponto e fazem uma bagunça na exposição das mercadorias.

Por isso, escolher um fundo com a cor adequada faz toda a diferença e aumenta as chances de venda. O ideal é manter um fundo padronizado e neutro, facilitando a visualização do comprador. A maioria dos sites utilizam o branco, porque realça os detalhes.

Imagens com enquadramento inadequado

Por falar em padrão, outra característica que deve ser igual em todas as fotos é o enquadramento. Escolha uma posição para colocar os produtos sobre a mesa e fotografe todos do mesmo lugar. Assim, o consumidor pode comparar os artigos de maneira mais objetiva.

Mas não se esqueça de explorar diferentes ângulos e mostrar os detalhes. O ideal é disponibilizar pelo menos três imagens de cada produto.

Falta de tratamento

Outro erro que causa aspecto amador às imagens é a falta de tratamento. Mesmo seguindo todas as recomendações citadas aqui, alguns ajustes finais são necessários para deixar a foto profissional, como recortes, criação de sombra e outros retoques que favorecem o produto.

Aproveite que agora você está preparado para fazer boas fotos profissionais para sua loja virtual e assine nossa newsletter para receber ainda mais dicas e informações!

Comentar

Seu e-mail não será divulgado.